Porque ajudar uma ONG?

Devido às desigualdades sociais que existem em todo o mundo, milhões de pessoas precisam constantemente de ajuda, sabemos que além da ajuda material também é importante podermos oferecer abraços, carinho, um aperto de mão, um sorriso sincero, reconhecemos que isso é importante, mas há pessoas no mundo que precisam mais do que isso, precisam saciar sua fome e sede, precisam de tratamento médico, precisam de um lar… Então compartilhamos aqui estas três razões pelas quais achamos que sim, você deve ajudar uma ONG:
Porque fará bem a si mesmo. Não tenha uma atitude egoísta, mas exatamente o oposto. Fazer o bem aos outros é a melhor maneira de ajudar a nós mesmos.
Se torne um veículo para a esperança de milhões. Trabalhando juntos para o bem comum irá manter viva a chama da esperança, mesmo em uma pessoa. Quem disse que tudo está perdido?
Porque há sempre alguém lá fora, com alguma necessidade. Seu coração será capaz de identificar qual destas ONGs você mais se identifica, e a partir dai você poderá fazer a sua parte. Experimente!

Comprando qualquer um dos nossos produtos, você poderá ajudar qualquer uma destas ONGs, no ato da compra pelo nosso site, escolha qual delas você quer ajudar, doaremos 5% do total da sua compra para a ONG que você escolher.

O Invisible Children tem trabalhado por nove anos para acabar com a mais longa guerra armada existente na África. Atualmente, conselheiros militares dos EUA estão localizados na república centro-africana para uma missão “com tempo limitado” para parar kony e desarmar o LRA. se Kony não for capturado esse ano, essa missão acabará.

Invisible Children Foundation, www.invisiblechildren.com


Em 1999, o garoto de 7 anos Ryan Hreljac se mobilizou e construiu o primeiro poço de água em um vilarejo de Uganda. Agora Fundação Ryans Well cresceu e se tornou uma família de pessoas comprometidas com a entrega de acesso à água potável, como uma forma essencial para melhorar a vida das pessoas no mundo em desenvolvimento. Nós capacitamos os cidadãos de todas as idades para agir e realizar mudanças no mundo.

Ryan's Well Foundation, www.ryanswell.ca


Quando Santos narrou a sua história trágica sobre seu filho Gideon, fiquei horrorizado que incidentes como estes ainda ocorrem nos dias de hoje e não há esforços suficientes para parar o sacrifício de crianças. Eu estava determinado a tentar ajudar de alguma forma de que eu poderia tentar chamar a atenção para o sacrifício de crianças e colocar um ponto final nestas atrocidades. esse ato desumano destrói famílias e comunidades em toda Uganda e outros países da região dos Grandes Lagos, enquanto os autores destes crimes estão livres para viver suas vidas como se nada aconteceu devido ao fato de que o sacrifício de criança não é especificamente punível nos termos da constituição de Uganda. Quanto mais pessoas que estiverem envolvidas em pôr fim a esta prática brutal, mais rápido poderemos dizer não há mais sacrifício de crianças em Uganda.

Samara Madhvani - 16 anos - Criadora da Fundação Gideão, www.gideonfoundation.com

Meu filho de quatro anos de idade tornou-se uma vítima do sacrifício de crianças no dia 19 de dezembro de 2006. Os autores deste crime brutal usaram todos os métodos mais astuciosos para atrair crianças ou adultos inocentes para a morte sem levantar a menor suspeita na mente de ninguém. A assassino do meu filho admitiu que ele costumava brincar com Gideon por várias vezes, para tornar mais fácil atrair Gideon para sua armadilha que resultaria em sua iniciação ao reino do demônio. É trágico que um pessoa possa acreditar em umas coisa como essa. Espero que outros pais não experimentem a dor e o sofrimento que minha família e eu temos passado todos os dias.

Santos Labeja - Pai do Garoto Gideon, www.gideonfoundation.com